Pronto para descobrir sua estratégia de marketing de mídia social?

Se você está sobrecarregado ou não sabe por onde começar, você definitivamente não está sozinho.

Porque a mídia social não é tão simples como costumava ser. Nem de longe.

Desde a escolha dos canais certos até a definição de sua estratégia de conteúdo, a paralisia da análise é um problema sério para os profissionais de marketing hoje.

É por isso que elaboramos um guia abrangente para criar um plano de marketing de mídia social do zero.

Uma estratégia sucinta ajudará sua marca a atingir seus objetivos com um senso de propósito. A seguir, há um guia de marketing de mídia social passo a passo para ajudá-lo a identificar seus objetivos sociais, engajar o público e otimizar seus resultados:

  1. Defina metas significativas de marketing social
  2. Pesquise o seu público-alvo
  3. Estabeleça suas métricas mais importantes
  4. Analise a sua concorrência
  5. Crie e selecione conteúdo envolvente
  6. Faça da oportunidade uma prioridade máxima
  7. Avalie os seus resultados e otimize
  8. Comunique os objetivos, desafios e vitórias à sua equipe

1. Defina metas que façam sentido para a sua empresa

Comecemos pelo princípio: você precisa descobrir o que deseja das mídias sociais em geral.

Porque criar um plano de mídia social significa ter um estágio final em mente.

Se isso significa mais dólares e centavos de sua presença social existente ou ampliar seu alcance com novos seguidores, depende totalmente de você.

O que importa é que você defina metas de mídia social realistas. Recomendamos abordar objetivos menores que permitem que você dimensione seus esforços sociais de uma forma que seja razoável e acessível.
Exemplos de metas de mídia social para o ano de 2020 e os seguintes
A seguir, estão alguns exemplos de metas que empresas de todas as formas e tamanhos podem dividir e conquistar. Com base nos dados do Índice Social Sprout, essas são as principais prioridades dos profissionais de marketing atualmente.

Aumente o conhecimento da marca. Para criar um reconhecimento de marca autêntico e duradouro, evite publicar apenas mensagens promocionais. Em vez disso, concentre-se primeiro no conteúdo que enfatize sua personalidade ou valores.

Gere leads e vendas. Seja on-line ou na loja, os seguidores não farão compras sociais por acidente.  Por exemplo, você pretende alertar os clientes sobre novos produtos e promoções?

YOU asked, WE listened! Glitter Duck Boots are ON SALE 🎉🙌 featuring a shed proof #glitter! Click to get yours ➡️ http://bit.ly/2RCj8Yq

Posted by Marleylilly – Monogrammed Gifts on Saturday, November 23, 2019

Aumente o público da sua marca. Trazer novos seguidores para o grupo significa encontrar maneiras de apresentar sua marca a pessoas que nunca ouviram falar dela.

Ampliar o seu público também significa descobrir as conversas mais importantes sobre sua empresa e setor. Explorar seus canais sociais é quase impossível sem monitorar ou ouvir palavras-chave, frases ou hashtags específicas. Por meio de uma segmentação de mídia social mais eficiente, você atinge seu público-alvo muito mais rápido.

Aumente o engajamento da comunidade. Encontre maneiras de chamar a atenção de seus seguidores atuais.  Isso significa experimentar mensagens e conteúdo. Por exemplo, sua marca promove conteúdo gerado pelo usuário e hashtags?

Mesmo algo tão simples como fazer uma pergunta pode aumentar sua taxa de engajamento. Seus clientes podem ser seus melhores apoiadores, mas apenas se você estiver dando a eles algo para fazer.

Aumente o tráfego da web. Se você está focado em gerar leads ou tráfego para o seu site, as mídias sociais podem fazer isso acontecer. Seja por meio de postagens promocionais ou anúncios sociais, ficar de olho nas conversões e cliques em URL pode ajudá-lo a determinar melhor o ROI da mídia social.

Qualquer combinação desses objetivos explícitos é um jogo justo e pode ajudá-lo a entender melhor com quais redes lidar também. Quando estiver em dúvida, mantenha sua estratégia de mídia social simples, em vez de confundi-la com muitos objetivos que podem distraí-lo.
Gerencie o engajamento social sem esforço com o Sprout

Com a Caixa de entrada inteligente do Sprout, as mensagens de todos os canais são agrupadas em um único fluxo para que você possa interagir facilmente com a comunidade de sua marca.

Você pode filtrar e marcar mensagens para classificar e rastrear facilmente o desempenho com base em temas e campanhas.

2. Pesquise o seu público-alvo

Fazer suposições é um jogo perigoso para os profissionais de marketing.

E graças à grande riqueza de dados demográficos e ferramentas de análise de mídia social que existem, você realmente não precisa mais fazer isso.

Muito do que você precisa saber sobre seu público para influenciar sua estratégia de marketing de mídia social já foi divulgado.

Veja os dados demográficos da mídia social de hoje. Esses números falam diretamente a quais redes sua marca deve se aproximar e quais tipos de conteúdo publicar. Aqui estão algumas dicas importantes:

  • O Facebook e o YouTube são locais principais para anúncios, em parte devido às suas bases de usuários de alto rendimento.
  • A maioria dos usuários do Instagram são da Geração Y ou Z, sinalizando a força do conteúdo ousado e surpreendente que transborda personalidade.
  • As mulheres superam em muito os homens no Pinterest, que é conhecido por apresentar o maior valor médio de pedido para compradores sociais.
  • A base de usuários do LinkedIn é bem instruída, tornando-o um centro de conteúdo aprofundado e específico do setor que pode ser mais complicado do que se vê no Facebook ou Twitter.

Consegue ver como nenhuma plataforma é única para todos?

E embora os dados demográficos acima forneçam uma visão sobre cada canal, o que acontece com os seus próprios clientes? Uma análise mais aprofundada precisa ser feita antes que você possa conhecer verdadeiramente os dados demográficos de seus clientes nas mídias sociais.

É por isso que muitas marcas utilizam um painel de mídia social que pode fornecer uma visão geral de quem está seguindo você e como eles interagem com você em cada canal.

Por exemplo, o painel de análise do Sprout destaca os dados demográficos do seu público-alvo. Ele também destaca quais redes sociais estão tendo mais atividade, ajudando você a garantir que gastará seu tempo nas redes certas.

Ter todas as nossas análises em um único lugar realmente nos ajuda a ser mais eficazes e eficientes no teste de conteúdo. É muito mais fácil aprimorar os tipos de conteúdo que funcionam melhor para nós, seja por canal, por tempo ou qualquer outra coisa.
Bridget Kulla
Senior Digital Marketing Manager

Com o relatório de grupo do Sprout, você pode visualizar dados do Facebook, Twitter, Instagram, LinkedIn e Pinterest lado a lado em um formato personalizável que pode ser exportado por intervalo de datas e perfil.

3. Estabeleça suas métricas mais importantes

Não importa o que você esteja vendendo, sua estratégia de mídia social deve ser baseada em dados.

Isso significa focar nas métricas de mídia social que importam.

A ocultação de “curtidas” no Facebook e no Instagram deve ser uma revelação para as empresas hoje. Em vez de focar em métricas de vaidade, as marcas têm a tarefa de pesquisar dados que se alinhem diretamente com seus objetivos.

Os profissionais de marketing de métricas devem ficar de olho
De que métricas estamos falando? Confira a análise abaixo:

  • Alcance. O alcance da postagem é o número de usuários únicos que viram sua postagem. Até que ponto o seu conteúdo está se espalhando pelas redes sociais? Ele está realmente alcançando os feeds dos usuários? Em face dos algoritmos orgânicos em constante mudança, rastrear o alcance é indiscutivelmente mais importante do que nunca.
  • Cliques. Este é o número de cliques em seu conteúdo, nome da empresa ou logotipo. Os cliques em links são essenciais para entender como os usuários se movimentam por meio do seu funil de marketing. Rastrear cliques por campanha é essencial para entender o que desperta a curiosidade ou incentiva as pessoas a comprar.
  • Engajamento. O número total de interações sociais dividido pelo número de impressões. Com relação ao engajamento, trata-se de conferir quem interagiu e se foi uma boa proporção fora de seu alcance total. Isso esclarece como seu público percebe você e sua disposição de interagir.
  • Desempenho de hashtag. Quais foram as hashtags mais usadas do seu próprio lado? Quais hashtags foram mais associadas à sua marca? Ou quais hashtags criaram mais engajamento? Ter essas respostas pode ajudar a definir o foco de seu conteúdo no futuro.
  • Curtidas orgânicas e pagas: além de uma contagem de gostos padrão, essas interações são atribuídas a conteúdo pago ou orgânico. Com relação a canais como o Facebook, o engajamento orgânico é muito mais difícil de ganhar força, e é por isso que muitas marcas recorrem ao Facebook Ads. No entanto, ganhar curtidas orgânicas no Instagram não é tão difícil. Conhecer essas diferenças pode ajudá-lo a orçar seus gastos com publicidade e o tempo investido em diferentes formatos.
  • Sentimento. Esta é a medida de como os usuários reagiram ao seu conteúdo, marca ou hashtag. Os clientes consideraram sua campanha recente ofensiva? Que tipo de sentimento as pessoas estão associando à hashtag de sua campanha? É sempre melhor se aprofundar e descobrir como as pessoas estão falando sobre sua marca.

Uma estratégia de marketing de mídia social eficaz é baseada em números. Dito isso, esses números precisam ser colocados em um contexto que retorne aos seus objetivos originais.

4. Descubra o que seus concorrentes estão fazendo

Antes de começar a criar conteúdo, você deve ter uma boa ideia do que seus concorrentes estão fazendo.

Embora algumas marcas possam querer analisar ferramentas de análise de concorrentes de terceiros para aprofundar o número de seus concorrentes, você também pode obter insights úteis a partir de uma análise bastante simples da presença social dos concorrentes.

Observar os canais sociais de seus concorrentes informará diretamente sua própria estratégia de promoção nas mídias sociais. O objetivo aqui não é copiar ou roubar as ideias dos concorrentes. Em vez disso, é para determinar o que está funcionando para eles e quais conclusões você pode tirar para adaptar suas próprias campanhas adequadamente.

Mesmo setor, estratégias diferentes

Por exemplo, vamos dar uma olhada em como duas marcas no mesmo espaço podem ter duas abordagens diferentes para sua estratégia de marketing de mídia social e ainda assim terem sucesso.

Neste caso, veremos o espaço surpreendentemente divertido do colchão.

A Casper costumava dar conteúdo alegre e cheio de personalidade, muitas vezes enfatizando conforto e aconchego com senso de humor. Resumindo, a marca faz um ótimo trabalho em não parecer uma conta totalmente corporativa.

Enquanto isso, a Purple também é conhecida por seu próprio senso de humor e memes. Dito isso,  a marca combina seu próprio conteúdo bem-humorado com postagens promocionais mais “tradicionais” que apresentam influenciadores.

O que se percebe aqui é que as marcas têm muitas opções quando se trata de criatividade e de se diferenciar dos concorrentes.

Claro, você precisa saber quem são seus concorrentes antes de começar a se estressar com a criação de conteúdo. É por isso que a análise é tão importante.

Como identificar seus concorrentes sociais

A maneira mais simples de encontrar concorrentes é por meio de uma pesquisa simples no Google. Procure suas palavras-chave, frases e termos do setor mais valiosos para ver quem aparece.

Por exemplo, se você vendesse sabonetes variados, “sabonetes naturais produzidos artesanalmente” seria uma ótima palavra-chave para investigar. Excluindo grandes varejistas como Amazon e Bath & Body Works, dê uma olhada em quem está aparecendo em seu espaço tanto organicamente quanto por meio de anúncios.

Então, você deverá dar uma olhada em quem é ativo nas redes sociais. Nesse caso específico, a Wild Soap é uma operação menor com uma presença social ativa e próspera. Isso significa que eles são um ótimo candidato para rastrear.

Depois de identificar alguns de seus rivais no setor, você pode usar ferramentas de análise competitiva de mídia social, como as encontradas no Sprout, para comparar rapidamente o desempenho do concorrente com o seu.

Veja o que eles estão postando no Facebook. Compare seu engajamento no Twitter com o deles. Descubra como eles estão marcando seu conteúdo no Instagram. Otimize sua própria estratégia. Repita.

Você também pode dar um passo adiante usando a escuta avançada do Sprout. Usando a escuta social, você pode destacar o feedback não filtrado dos consumidores sobre os concorrentes, bem como seus produtos e serviços.

Você recebe o bônus adicional de descobrir conversas verdadeiras sobre sua própria marca que, de outra forma, poderia ter perdido.

5. Crie e selecione conteúdo social envolvente

Sua estratégia de marketing de mídia social é obviamente centrada no conteúdo.

Neste ponto, você deve ter uma boa ideia do que publicar com base em seu objetivo e identidade de marca. Da mesma forma, você provavelmente se sente confiante em quais redes cobrir.

Mas como é o conteúdo social envolvente e como o você faz acontecer? Os princípios abaixo podem ajudar.

Limitar-se a temas de conteúdo

Um dos maiores desafios para o conteúdo visual é criá-lo no dia-a-dia. De acordo com dados da Venngage, um terço dos profissionais de marketing luta para criar visuais atraentes.

Isso destaca a importância do conteúdo altamente visual para os profissionais de marketing e para as pessoas que eles desejam alcançar. É por isso que construir temas de conteúdo é uma ótima abordagem para separar seu conteúdo.

O Instagram é indiscutivelmente o melhor canal para temas de conteúdo, dado que é totalmente visual. Por exemplo, a Postmates faz um trabalho incrível em manter seu feed do Instagram consistente, colorido e esteticamente agradável.

Manter um tema de conteúdo torna mais fácil construir seu calendário de conteúdo. Por exemplo, você pode alternar entre memes, fotos de produtos e conteúdo gerado pelo usuário enquanto segue um esquema de cores giratório. Veja como a Profitec faz exatamente isso.

Se a consistência é um problema com sua estratégia de marketing de mídia social, pense em como um tema pode ajudar.

E se você estiver lutando para se manter atualizado com todas essas fontes de conteúdo social, considere as ferramentas de gestão de mídia social que o ajudam a organizar sua biblioteca de mídia e agendar suas publicações com antecedência.

Para ajudar a restringir as especificações do que você deve publicar e ter certeza de que está desenvolvendo conteúdo inovador, aqui estão algumas tendências de mídia social a serem consideradas.

UGC (Conteúdo Gerado pelo Usuário) e conteúdo interativo

O conteúdo gerado pelo usuário permite que seus seguidores funcionem como outdoors e fornece um incentivo para os clientes interagirem com você. Seja usando uma hashtag ou postando uma foto, incentivar o conteúdo do cliente é uma jogada inteligente para aumentar sua taxa de engajamento.

Da mesma forma, nunca perca a oportunidade de interagir ou explorar o conhecimento dos seus seguidores. Mesmo algo tão simples como fazer uma pergunta ou postar uma votação pode resolver o problema.

Stories e conteúdo com validade limitada

Ao explorar o FOMO (medo de perder) dos seus seguidores, o conteúdo dos Stories no Instagram e no Facebook vai se tornar mais importante.

Simplificando, os Stories são interativos e imperdíveis. Quando aparece primeiro nos feeds de seus seguidores por padrão, esse conteúdo pode ajudar a conta de sua marca a “pular a fila” e permanecer viva na mente de seu público.

Os stories são especialmente valiosos para levar seus seguidores aos bastidores e tornar seu feed de redes sociais um pouco mais pessoal. Por exemplo, considere como você pode usar os Stories para cobrir um evento ou levar seus seguidores em uma viagem sem que eles tenham que deixar o conforto do ‘gram.

Vídeo como peça central de sua estratégia de marketing de mídia social
O boom do vídeo social não vai parar tão cedo. Produções longas e curtas continuam a dominar o espaço social em todas as plataformas.

Considere como vídeos de um minuto como este de Goodful estão na moda atualmente no Instagram.

Até mesmo marcas gigantes como a Instant Pot utilizam a corrente de vídeo de formato curto, publicando regularmente micro-comerciais no Facebook que acumulam milhões de visualizações.

Create more than dinner. 🏗 #instantpot #dinnerdone

Posted by Instant Pot on Sunday, October 6, 2019

As marcas atuais não devem evitar o vídeo, especialmente com a riqueza de opções criativas e aplicativos que existem.
6. Faça da oportunidade uma prioridade máxima
Pontualidade é uma via de mão dupla.

Você nem sempre pode-se esperar que os clientes operem “no seu tempo”. Da mesma forma, é crucial ser capaz de alcançar e responder aos seguidores em tempo hábil.

Mas como você faz os dois? Vamos explorar.
Publique nos melhores momentos para se engajar
Pergunta rápida: quando sua marca fica disponível para engajar e interagir com os clientes?

Você pode encontrar recomendações para postar tarde da noite, por exemplo. Mas se sua marca não estiver presente para se comunicar, de que adianta postar no horário “preferido”?

Em vez disso, tente garantir que seus gestores de mídia social ou comunidade estejam disponíveis e prontos para responder a quaisquer perguntas ou dúvidas sobre produtos quando você tuitar ou postar. É inteligente conhecer os melhores horários para postar nas redes sociais. No entanto, é igualmente importante interagir após a postagem.

E isso nos leva ao nosso próximo ponto.
Responda às perguntas e notificações de seus clientes o mais rápido possível
Os clientes não apenas esperam respostas mais rápidas das marcas, mas também conversas significativas em uma base regular.

Sua marca não pode esquecer esses elementos centrais de rede. É preciso esforço para garantir que as conversas ou as oportunidades de engajamento não sejam deixadas sem supervisão.

Por meio da mídia social, você ganha respeito como marca apenas por estar presente e conversar com seu público. É por isso que o atendimento social ao cliente é tão importante para marcas que desejam aumentar a percepção do público. É tudo uma questão de engajamento.

Seja aproveitando um elogio ou respondendo a uma pergunta, as empresas não devem deixar os clientes esperando.

Por meio das ferramentas certas de monitoramento de mídia social, você pode encontrar instâncias em todos os seus canais para interagir, responder e avaliar os clientes 24 horas por dia.

Designar equipes para tarefas específicas pode ajudar sua equipe a funcionar como uma equipe bem treinada de mídia social, seja você um grupo de um ou 100.

De acordo com nossa pesquisa, o tempo médio de resposta de uma marca é de cerca de 10 horas. Mas você sabia que a maioria dos usuários acredita que as marcas devem responder às mensagens da mídia social em quatro horas?

À medida que os algoritmos sociais passam por atualizações contínuas, o conteúdo orgânico tem cada vez mais dificuldade para alcançar a maioria do seu público. A última coisa que você deve fazer é ignorar aqueles que se envolvem e perder enviando mais para o funil de marketing.

7. Avalie o que está funcionando, o que não está e como você pode melhorar

Agora você deve ter um entendimento geral de sua estratégia de mídia social.

No entanto, é importante que você seja capaz de adaptar sua estratégia à medida que avança ao longo do ano.

Sem analisar continuamente seus esforços, você nunca saberá o desempenho de uma campanha em relação a outra. Ter uma visão panorâmica de sua atividade nas redes sociais ajuda a colocar as coisas em perspectiva. Isso significa observar seu conteúdo de melhor desempenho e ajustar suas campanhas em conformidade.

Não há como negar que muitas mídias sociais são uma questão de tentativa e erro. O monitoramento das métricas por trás de suas campanhas em tempo real permite que você faça pequenos ajustes em sua estratégia de marketing de mídia social, em vez de mudanças radicais e demoradas.

Essa abordagem dinâmica de marketing faz todo o sentido em uma época em que as mídias sociais estão em constante evolução. Você pode ser reativo no curto prazo para obter o máximo de suas campanhas em andamento e, em seguida, usar de forma proativa essas lições para informar sua próxima estratégia principal.

8. Comunique os objetivos, desafios e vitórias à sua equipe

Para finalizar, considere que a colaboração é mais importante do que nunca para os profissionais de marketing social.

Os dados do nosso índice observam que há uma expectativa crescente de que os profissionais de marketing relatem os resultados e o ROI com seus valores superiores. Fazer isso não apenas o responsabiliza por seus esforços, mas também destaca o papel e os resultados que a sua estratégia social é capaz de produzir.

Talvez a melhor maneira de transmitir essas informações seja por meio de relatórios compartilháveis e fáceis de ler, como os incluídos no Sprout. Deseja mostrar o sucesso de uma campanha ou detalhar os KPIs específicos? Feito.

Ah, e não se esqueça de nossas ferramentas integradas de colaboração social que facilitam o trabalho conjunto de sua equipe em qualquer campanha social.

E com isso, encerramos seu guia de estratégia de mídia social para 2020 e além!

Já decidiu a sua estratégia de marketing de mídia social?

Esperamos que este guia sirva como uma inspiração muito necessária para descobrir como criar uma estratégia de marketing de mídia social.

Procurando por mais recursos? Confira nosso kit de ferramentas gratuito com modelos que facilitam a geração de relatórios e planejamento, ou nosso guia de estratégia de marketing social com listas de verificação que podem ajudá-lo a colocar suas ideias em ação o mais rápido possível.

Boa sorte e bom planejamento!