O engajamento é parte importante do marketing em redes sociais. É uma das principais métricas que os profissionais de marketing usam para definir o impacto e a eficácia das campanhas de marketing social. No que se refere à medição do engajamento, não há dúvidas de que o compartilhamento em redes sociais têm um papel fundamental. O engajamento gosta de comentários e esses são importantes para atrair interesse, mas é o compartilhamento que gera alcance.

Sinais sociais com Retweets e compartilhamento no Facebook são impulsionadores fundamentais por trás da popularização de um blog. Também ajuda a gerar conscientização de marca, leads e engajamento de clientes. Você está publicando conteúdo de qualidade, mas seus esforços de alcance param por aí. Muito do seu engajamento vem do fato de seu público-alvo compartilhar seu conteúdo com as redes deles.

Mas gerar compartilhamento não é tão fácil quanto tuitar e pedir Retweets. Essa tática funciona – pedir da 12 vezes mais Retweets, de acordo com um estudo – mas você não pode nem deve confiar nessa estratégia se deseja resultados consistentes.

Então, como promover compartilhamento e, por sua vez, engajamento? Aqui estão cinco dicas que te ajudam a chegar lá:

1. Otimize seus compartilhamentos em redes sociais

As pessoas estão compartilhando seu conteúdo. Por isso, certifique-se de que está sendo mostrado da melhor maneira possível em todas as plataformas sociais. Para tirar o maior proveito dos compartilhamentos, há alguns elementos que você precisa otimizar. Tire um tempo para fazer isso para se certificar que o aspecto está bom tanto nas redes sociais como nos resultados de pesquisa.

Cartões do Twitter

Os Cartões do Twitter permitem que você vá além dos 140 caracteres da plataforma e anexe belas experiências de mídia a seus tuítes. Atualmente, há cinco tipos de cartões disponíveis, mas o Cartão de Resumo é o mais útil para aumentar o número de compartilhamentos do conteúdo de seu site.

Com o Cartão de Resumo, sempre que alguém compartilhar um post de blog, novos artigos ou página de produtos de seu site no Twitter, os seguidores pré-visualizam seu conteúdo. Quando se adiciona uma URL a um tuíte, o título, a descrição e uma imagem em miniatura aparecem. Isso ajuda seu conteúdo a se destacar no fluxo e oferece mais contexto aos visualizadores.

Marcação do Open Graph do Facebook

A cada 20 minutos, um milhão de links são compartilhados no Facebook. Controle a forma como seu conteúdo aparece na rede social fazendo uma marcação de seu site com a Marcação do Open Graph. Sem essas etiquetas, o rastreador do Facebook vai fazer uma simples adivinhação do título, descrição e imagem de pré-visualização de seu conteúdo. Isso pode resultar em títulos cortados ou imagens de pré-visualização aleatórias.

A Marcação do Open Graph permite a você controlar o que é retirado de seu conteúdo quando ele é compartilhado no Facebook. Um título e uma imagem de pré-visualização fortes podem fazer com que as pessoas cliquem em seu link, por isso, não dê chance ao acaso. Você pode ler mais sobre as marcações na página para desenvolvedores do Facebook.

Para uma implementação facilitada, bem como dos Cartões do Twitter, consulte o plugin doWordPress SEO by Yoast, que ajuda a instalar as ferramentas. Você também pode personalizar os títulos e as meta-descrições de seus posts, otimizar seu site para compartilhamentos sociais e resultados de pesquisa.

Ao otimizar seu site para o compartilhamento em redes sociais, você pode fazer o mesmo para dispositivos móveis. As pessoas estão consumindo mais conteúdo nos dispositivos móveis, e esse conteúdo é processado muito mais rapidamente. De fato, a pesquisa de mídia de seguimento de olhar do Twitter descobriu que as pessoas consumem mais conteúdo nos dispositivos móveis do que em um computador desktop. O Facebook confirmou essa informação ao observar que o conteúdo consumido por dispositivos móveis é de 1,7 segundos, enquanto o no computador é de 2,5 segundos. Por isso, facilite a navegação pelo site e blog nos dispositivos móveis, assim como o compartilhamento de seu conteúdo através deles.

2. Facilite o compartilhamento

Parece óbvio, mas não é surpresa a rapidez com que os seres humanos complicam a execução de tarefas fáceis. Lembre-se de que as pessoas estão mais propensas a fazer aquilo que exige o mínimo esforço. E isso é particularmente verdade nas redes sociais. As plataformas já estão e estarão cada vez mais inundadas de conteúdo. Se compartilhar algo requer muito investimento de tempo – para pesquisar algo para compartilhar ou mesmo ultrapassar obstáculos para tal – o conteúdo está mais propenso a não ser compartilhado. Essa informação é especialmente importante quando você tenta estender o alcance de seu conteúdo.

Social-Share-Button-Placement

Uma das formas mais fáceis de incentivar compartilhamentos é adicionar botões de redes sociais ao seu site ou blog. Esses botões são geralmente ícones nos quais se pode clicar para compartilhar o conteúdo em redes sociais como Facebook, Twitter, Pinterest, etc. Para melhores resultados, recomenda-se colocá-los antes, depois ou ao lado do conteúdo. Entenda a importância de criar a melhor experiência para o usuário de forma a conduzi-lo ao compartilhamento.

Click to Tweet

Outra forma de encorajar os leitores a compartilhar é adicionando uma chamada à ação, como o plugin click-to-Tweet. Ele permite que você crie conteúdo tuitável ao impulsionar o envio citações ou ideias-chave do seu post. Ao clicar, o conteúdo, bem como o link para o post completo, aparece pré-preenchido em uma caixa de texto para um novo tuíte.

É ótimo porque os leitores só precisam clicar no botão de compartilhamento sem ter que escrever nada. É fácil e rápido. Também significa que você controla a mensagem e garante que os pontos essenciais estão sendo compartilhados. Há diversas ferramentas e plugins do WordPress – como Clique para tuitar com Todaymade, para facilitar o compartilhamento.

3. Descubra as tendências

As pessoas estão mais propensas a compartilhar algo se for relevante, valioso ou divertido. Por isso, você precisa conhecer seu público-alvo e seus interesses. Use ferramentas como BuzzSumo ou Google Trends para pesquisar os assuntos que são tendência em seu setor.

Com BuzzSumo, você pode pesquisar os melhores conteúdos compartilhados sobre um determinado assunto ou palavras-chave ou por domínio para ver o mais compartilhado de um site específico. Também lhe permite fazer um detalhamento abrangente dos compartilhamentos por rede social, para que você saiba onde focar seus esforços.

BuzzSumo Content

O Google Trends também permite a você explorar o que as pessoas estão pesquisando pelo mundo. Ao analisar o volume de pesquisa, você pode descobrir as principais perguntas sendo feitas sobre um determinado assunto ou evento e usar essa informação para criar sua própria estratégia de conteúdo.

Google Trends

Além disso, você pode monitorar os tópicos populares no Twitter ou Facebook para procurar oportunidades de participar de uma conversa. Certifique-se apenas se a hashtag que você está usando no Twitter é mesmo relevante para seus objetivos de marca e mensagem.

Você também pode usar o Relatório de tendências do Sprout Social para monitorar o que está se falando da sua marca no Twitter e quem está falando. Os dados podem ser usados para descobrir produtos ou serviços dos quais seus clientes estão falando, identificar possível problemas de serviço e descobrir um aumento da popularidade dos assuntos e hashtags associadas com a sua marca.

relatorio de tendencias

4. Experimente diferentes títulos

Os títulos podem fazer ou impedir o sucesso de seu conteúdo. Você pode ter o melhor e mais bem escrito conteúdo do mundo, mas isso não importa se ninguém clica para ler. Oito em cada dez pessoas lê o título, mas apenas duas continuam a ler.

Dos posts no blog aos tuítes, seu conteúdo precisa de um título forte que conquiste os leitores. Para obter mais compartilhamentos, você precisa começar a pensar nos títulos em um contexto social. Concentre seus esforços em criar títulos atraentes que chamam a atenção e encorajam as pessoas a clicar e continuar lendo.

Nosso artigo anterior, 7 Dicas para a criação de títulos que geram cliques, aprofunda-se nas estratégias de escrita de títulos. Para mais dados, algumas estatísticas de um estudo conduzido recentemente:

  • 36% dos entrevistados se identificam com títulos numéricos, 15% a mais do que o segundo lugar.
  • Mais mulheres (39%) do que homens (32%) se identificam com títulos numéricos.
  • Mais da metade (51%) dos entrevistados prefere uma abordagem discreta, ou títulos que usam poucos superlativos.

Uma coisa a se evitar ao criar títulos é o sensacionalismo – especialmente se você planeja compartilhar no Facebook. Um título sensacionalista é aquele que retém informação ou exagera intencionalmente para criar expectativas enganosas. Poucas histórias sensacionalistas aparecem no Feed de Notícias devido a novas atualizações. O Facebook vai começar a desestimular aqueles que continuam a publicar títulos sensacionalistas ao não destacar seus conteúdos no Feed de Notícias.

5. Conheça sua demografia

A demografia varia nas redes sociais, por isso é tão importante conhecer seu público-alvo e em que plataforma ele é mais ativo. Pense nas redes sociais onde você está presente. Qual o tamanho da base de usuários? Tende para o público mais jovem ou mais velho? É predominantemente masculino ou feminino? é B2B ou B2C? Qual a vida útil de um conteúdo nessa plataforma?

Essas são perguntas importantes que precisam ser respondidas antes de elaborar a estratégia de conteúdo. Você não vai ver compartilhamento em redes sociais se não segmentar o público e plataforma corretos. O Sprout Social oferece uma variedade de relatórios que analisam seus seguidores e ajudam você a obter entendimento de quem seu conteúdo atinge.

Você pode acompanhar seu melhor conteúdo em plataformas como Twitter, Facebook, Google+ e Instagram em um só lugar, incluindo cliques, alcance e engajamento. Além disso, nossos detalhamentos demográficos podem ajudá-lo a otimizar suas mensagens e campanhas para compartilhamento e engajamento em redes sociais.

Sprout Social Viralpost

Você também deve publicar conteúdo durante os horários de pico. Isso não significa que você deve compartilhar seu post ou artigo quando a maioria da base de usuário da rede está logada, mas, sim, quando seu público estiver ativo. Através do agendamento de posts via ViralPost, um algoritmo que o Sprout desenvolveu, sua ferramenta pode aprender automaticamente quais os melhores momentos para publicar conteúdo. Indo direto ao assunto, você vai aumentar as chances de ser visto e estimular compartilhamento e engajamento nas redes sociais.

Não é só uma questão de números

Sim, dados são importantes ao se discutir o ROI de suas campanhas em redes sociais, mas não se prenda aos números e esqueça da razão primordial em estar fazendo tudo isso. Otimizar o conteúdo para compartilhamento em redes sociais leva a mais compartilhamento. Interagir com seus clientes quebra as barreiras entre os negócios e os clientes.

Lembre-se de que as redes sociais são uma forma de humanizar a sua marca. É importante que você seja capaz de demonstrar claramente o impacto dos esforços de marketing social nos resultados. Mas você não deve se concentrar tanto no aumento dos números que acabe se esquecendo da qualidade. Seu conteúdo deve ser sempre o apoio da mensagem que sua marca quer passar e não servir para preencher espaço.

Dedique tempo criando um conteúdo significativo e de valor para seus clientes. Desenvolva uma estratégia de difusão e descubra o que é o sucesso para você. E quando os compartilhamentos e o engajamento começar a acontecer, não tome por certo. Reconheça os membros que mais interagem de forma a extender seu alcance, com a ajuda dos dados de analítica das redes sociais.